1º de Junho - Dia de Santo Aníbal

 

Nasceu em Messina, aos 05 de julho de 1851 e faleceu em 1º de junho de 1927, aos 76 anos, também em Messina. Foi canonizado pelo Papa João Paulo II em 16 de maio de 2004 em Roma, na Itália. 

Aos 18 anos, Aníbal Maria di Francia percebeu um forte chamado para a vida religiosa. Obedeceu, entrou para o seminário, fez os estudos e foi ordenado padre em 1878. Poucos meses antes de sua ordenação, o diácono Aníbal conheceu o local mais miserável e rejeitado da cidade, chamado Casa de Avinhão. Ali, crianças pobres, órfãs e marginalizadas eram como que “jogadas” e não tinham condições transformarem suas vidas pelo próprio esforço.

A Casa de Avinhão foi um dos locais onde Santo Aníbal exerceu seu ministério dando vida e dignidade a crianças e adolescentes abandonados. Ali Santo Aníbal praticou aquilo que ele definiu como "espírito da dupla caridade: evangelização e socorro aos pobres". Na Casa de Avinhão ele começou seu projeto de criação de orfanatos bem estruturados, separando-os em masculinos e femininos. Num ato de fé, colocou esses orfanatos sob a proteção de Santo Antônio de Pádua.

“É necessário amar as crianças em Deus com íntima compreensão de caridade, com caridade terna, materna, paterna: este é o segredo dos segredos para ganhá-las para Deus e salvá-las. Precisa tratá-las com muito afeto e doçura”. (Santo Aníbal)

A Obra Social Santo Aníbal, que leva o nome desse grande apóstolo das vocações e dos mais necessitados, tem como missão acolher crianças e adolescentes, proporcionando a formação de pessoas éticas, justas e solidárias, por meio de ações socioeducativas, serviços de convivência e fortalecimento de vínculos que contribuem com o exercício da cidadania.

Celebramos com muita alegria o dia 1º de junho!

Viva Santo Aníbal!